Utilizadora processa Microsoft por causa do Vista

Uma moradora em Seattle que comprou um computador em Novembro de 2006 com a referência “Vista Capable” sente-se enganada e vai processar a fabricante de software.

Quando Dianne Kelley percebeu que, apesar do seu computador ter a garantia de ser compatível com o novo sistema operativo da Microsoft, apenas conseguia correr de forma optimizada a versão mais básica do programa decidiu exigir uma indemnização à gigante de software acusando-a de publicidade enganosa.A sociedade de advogados que está a representar Kelley neste processo justificou a acção judicial acusando a Microsoft de ter desenvolvido um autocolante que de forma enganosa convence os consumidores que estão perante um PC potente e poderoso, capaz de suportar o novo sistema oeprativo da fabricante, quando, na verdade, podem estar apenas a adquirir um computador mediano que nunca irá conseguir partido das funcionalidades avançadas do Windows Vista.

A Microsoft já reagiu alegando que já introduziu junto dos fabricantes um novo autocolante “Premium Ready”, este sim, oferecendo a garantia de que o computador pode tirar partido de todas as funcionalidades avançadas do Vista.

Além disso, os responsáveis da Microsoft esclarecem que qualquer equipamento com o autocolante “Vista Capable” garante capacidade para o utilizador usufruir da experiência básica do Vista com melhor segurança e e pesquisa de ficheiros facilitada.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: